Generoso porvir

02/04/2016 às 17:59 | Publicado em Artigos e textos | 2 Comentários
Tags:

Dia desses publiquei aqui um post com artigo muito bom julgando conter soluções para a crise que estamos passando (“Uma saída para o Brasil”). Um amigo meu no Facebook fez na ocasião severas críticas, dizendo que não havia solução alguma ali. Agora publico outro artigo no mesmo sentido, para mim com propostas concretas para saída da crise. A conclusão que chego é que a ansiedade do povo brasileiro é tamanha que mesmo os mais inteligentes e letrados acham que apenas com um artigo se resolve tudo.


Generoso porvir  Walter Queiroz

Vítima de uma colonização mercenária e desalmada, tem nosso país uma trajetória marcada pela heroica resistência do seu povo. Sobreviveu promovendo ardis antropológicos e estratégias de luta, sendo a capoeira e o candomblé dois magníficos exemplos da nossa saga e coragem.
Entretanto, a negaça e a dissimulação (Alô, Muniz Sodré) vitais para iludir nossos algozes foram tornando-se valores nacionais, induzindo no nosso imaginário a esperteza como um fato natural, a malandragem como uma atitude inteligente. Subornar, dissimular, seduzir, locupletar-se do erário, nossos gestores empregando parentes e apaniguados como uma fatalidade, práticas autorizadas por generalizações do tipo “qualquer um faria o mesmo”.
Estamos, querendo ou não, irmanados na grandeza e miséria nacional e somente com
serenidade e discernimento superaremos a crise política. O carcomido embate ideológico
dando lugar à problematização, a polêmica superada pelo bom senso, visões de mundo
diferentes respeitadas, pontos de consenso celebrados. Novas atitudes só possíveis com
reformas e inovações capazes de permitir o pleno exercício do regime democrático: sem
casuísmos, sem privilégios, sem corrupção.
Somente o primado da lei acima de interesses de quem quer que seja devolverá a autoestima e a esperança da grande maioria pacífica e trabalhadora do povo brasileiro.
Fim da reeleição. Fim do voto obrigatório. Partidos autênticos. Juízes eleitos, e não mais
nomeados. Dignas e produtivas fazendas-presídios abolindo as prisões medievais. Saudável e rigoroso equilíbrio entre os três poderes republicanos como propugnava o grande Montesquieu. Finalmente, o Brasil de cabeça erguida no comando do seu gloriosos destino. Um grande passo nessa direção, corroborando a tese desse artigo, seria agora um pacto de governabilidade entre os poderes, selando o fim do impasse, convocação de uma nova assembleia constituinte, autorizando um renovado e proficiente país. Finalmente! O Brasil de cabeça erguida em busca do seu generoso porvir.

(Walter Queiroz Jr.)

FONTE: Jornal A TARDE, Salvador-BA, hoje

Anúncios

2 Comentários »

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

  1. […] analisa Júcá”, é de Jânio Ferreira, O segundo, “O triunfo da esperança”, é de Walter Queiroz. E o último é para dar risada, POÍTICA COM VATAPÁ. Os três são do jornal A TARDE, […]

  2. […] hoje quem escreva bem, em jornal inclusive. Nesse começo de ano seguem dois bons artigos, um de Walter Queiroz e outro de Jânio Ferreira, ambos visitam esse espaço de vez em quando. […]


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.
Entries e comentários feeds.

%d blogueiros gostam disto: