Aluna da UFBA cria aparelho que pode tratar água

17/07/2016 às 3:56 | Publicado em Artigos e textos, Zuniversitas | Deixe um comentário
Tags: ,

Essa moça precisa de 30 mil para conseguir ir ao MIT apresentar seu projeto. Trata-se de água. E esse tema é prioritário aqui para o Nordeste. Será que não há um só parlamentar que queira ajudá-la ?


 

Aluna da Ufba cria aparelho que pode tratar água

  • Anna exibe imagem do dispositivo desenvolvido em startup - Foto: Mila Cordeiro l Ag. A TARDE

    Anna exibe imagem do dispositivo desenvolvido em startup

Uma ideia sustentável e a vontade de executar foram os fatores determinantes para levar a estudante Anna Luisa Beserra, 18, aluna do terceiro semestre de biotecnologia na Universidade Federal da Bahia (Ufba), a fundar uma startup (empresa em formação) de impacto socioambiental.

Por causa do  projeto, Anna Luisa foi selecionada pelo Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT), nos Estados Unidos, para participar do Global Entrepreneurship Bootcamp. O evento é dedicado a treinar jovens empreendedores sociais em todo o mundo.

Para ajudar na captação de fundos, Anna Luisa criou um crowdfunding, espécie de “vaquinha” virtual. O valor total que ela precisa para o treinamento, incluindo a taxa para participar do Bootcamp, passagens e hospedagem, é de R$ 30 mil.

Apesar de o evento ser em agosto, entre os dias 7 e 12, Anna Luisa só tem até o próximo dia 18 para arrecadar  fundos. “Até agora, com as doações, só consegui 10% do valor”, pontua.

O impulsionamento do projeto pode ser feito com doações, pelo link: https:// www.vakinha.com.br/vaquinha/leve-uma-empreendedora-social-para-representar-o-brasil-no-mit.

Startup

Nomeada Safe Drinking Water For All – SDW, a startup foi constituída por Anna Luisa no ano passado, quando entrou na universidade.

“A pré-incubação da SDW foi logo quando entrei na Ufba, em agosto de 2015. Aqui, ela fica na INOVAPoli, que é a incubadora de base tecnológica”, descreve.

O objetivo da SDW é levar melhores soluções no tratamento da água, principalmente para comunidades mais carentes do sertão nordestino. Para isso, a estudante e outros dois colegas fomentaram um dispositivo de desinfecção solar da água, que dispensa o uso de substâncias químicas.

A ideia surgiu quando a estudante ainda estava no ensino médio, aos 15 anos: “Eu sempre gostei de inventar coisas. Quando vi, na parede da escola, um concurso sobre jovens cientistas, comecei a pensar em algo que eu pudesse fazer. Naquele ano, o tema era a água”.

Na época, Anna Luisa não recebeu apoio do colégio onde estudava, então  percebeu que precisava desenvolver algo que não demandasse recursos tecnológicos.

“Sem o apoio,  comecei a pesquisar algo que eu pudesse fazer sozinha, ou com a ajuda do meu pai. Algo que não precisasse de grande suporte de laboratório ou outra estrutura. Um projeto prático que eu pudesse fazer em casa”, relembra.

Funcionamento

De acordo com a estudante, o protótipo capta a água armazenada na cisterna e a expõe ao sol, pelo tempo determinado por um sensor ultravioleta (UV).

“O tempo de exposição à desinfecção é determinado por um sensor UV, que é conectado ao equipamento. Esse tempo é de, aproximadamente, três horas, a depender da quantidade de água captada. A partir daí, ele emite um sinal luminoso e sonoro, para que o usuário saiba”, explica Anna Luisa.

Após a emissão do alarme, o usuário tira a água do local de armazenamento, ou conecta com a residência. A água coletada pode ser da chuva, de poços ou rios.

“Esse protótipo direciona a água para cisternas e reservatórios. É mais barato e mais sustentável e, ao mesmo tempo, eficiente”, explica Anna Luisa.

FONTE: Jornal A TARDE, 07.07.2016

Anúncios

Deixe um comentário »

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.
Entries e comentários feeds.

%d blogueiros gostam disto: