Cantiga de Amigo

31/05/2020 às 3:19 | Publicado em Midiateca | Deixe um comentário
Tags: ,

Domingo, dia de boa música. Cantiga de Amigo, de Elomar, por Ana Salvagni e Eduardo Lobo.


A BRANQUITUDE INVIABILIZA A HUMANIDADE

30/05/2020 às 18:35 | Publicado em Artigos e textos | 1 Comentário
Tags: , ,

Muito bom esse artigo do Professor Marlon Marcos.

Stop


A BRANQUITUDE INVIABILIZA A HUMANIDADE

É doído se enxergar como branco, porque vergonhoso, em um país como o Brasil ou os Estados Unidos. A herança da expansão econômica europeia, ao longo da chamada modernidade, nos trouxe ao mais terrível holocausto da humanidade: a escravidão em cima dos humanos negros africanos. Como a raça branca se efetivou como a mais privilegiada e auto assistida no planeta? Através da mecânica social do racismo estrutural que se vigora em um modus vivendi que podemos chamar, em referência a Achille Mbembe, de necropolítica.

A branquitude como projeto de manutenção de poder produz a morte no mundo. É um lugar a ser problematizado e desconstruído se desejamos a saúde das relações sociais, raciais, humanas se assim preferirem. Mas é duro existir como gente sob o peso do racismo vigente emporcalhando o nosso lugar de humanos. É duro ser ético, consciente, antirracista e branco. Mas precisamos violentar a lógica desse sistema racista que se fortalece no capitalismo e nas relações hierarquizadas das classes e dos gêneros. Precisamos de uma reeducação socioexistencial. Compreender que esse “projeto de branco” agencia a exclusão de milhões de pessoas no mundo e mata. Mata cruelmente. Despedaça sonhos e arranca muitos da sua integridade como pessoa vivente no mundo.

Os indígenas e os negros são as maiores vítimas. No Brasil, eles são aviltados por nosso Estado e governos. Atualmente, o risco perverso da morte tira a mínima tranquilidade desses grupos humanos. O presidente da República e seu ministério esparramam seu ódio, frente à imprensa internacional, dirigido aos povos majoritários no processo civilizatório deste país.

A gente dorme e acorda com a morte de crianças negras, assassinadas nas ruas e dentro de suas casas por esse país afora. Para me rasgar de indignidade bastaria citar Davi Fiúza, na Bahia, e no Rio de Janeiro, Ágata, Marcus Vinícius (alvejado pelas costas indo para a escola), João Pedro, morto na insegurança do seu lar de família preta e pobre das favelas. Com o fascismo atual, virou heroísmo de branco praticar o genocídio contra negros e indígenas no Brasil.

Vivemos assim: Salvador, cidade túmulo, como escreve Hamilton Borges, ou Salvador, negro rancor, como expressa Fábio Mandingo. Em Belo Horizonte: Rondó da ronda noturna, grito de Ricardo Aleixo. Davi Copenawa avisa que o céu vai cair. Krenak canta para adiar a queda.

Não me sai da cabeça: um homem negro sendo morto pelo joelho de um homem policial branco sobre o seu pescoço, nos Estados Unidos de Trump.

Aqui a branquitude finge dormir sabendo do preço que terá que pagar, mesmo aqueles que estão em reconstrução. E o poeta baiano Lande Onawale ginga: dá!?/ dá!? /dá no nêgo!?/ no nêgo você não dá. E continua: “vou pingando a alma e o mar vem”.

(Marlon Marcos)

FONTE: Jornal A TARDE, Salvador-BA, hoje

PACTO COM A FELICIDADE

30/05/2020 às 3:56 | Publicado em Canto da poesia | Deixe um comentário
Tags: , ,

Drummond para combater a pior das pandemias, a da infelicidade.

flor_thumb


PACTO COM A FELICIDADE

De hoje em diante todos os dias
ao acordar, direi:
Eu hoje vou ser FELIZ !

Vou lembrar de agradecer ao sol
pelo seu calor e luminosidade,
sentirei que estou vivendo,
respirando.

Posso desfrutar de todos os
recursos da natureza Gratuitamente.
Não preciso comprar o canto dos
pássaros, nem o murmúrio das ondas do mar.

Lembrarei de sentir a beleza das árvores, das flores.
Vou sorrir mais, sempre que puder.
Vou cultivar mais amizades
e neutralizar as inimizades.

Não vou julgar os atos dos meus
semelhantes ou companheiros.
Vou aprimorar os meus.
Lembrarei de ligar para alguém
para dizer que estou com saudades !

Reservarei minutos de silêncio,
para ter a oportunidade de ouvir.
Não vou lamentar nem amargar as injustiças.

Vou pensar no que posso fazer para
Diminuir seus efeitos.
Terei sempre em mente que um minuto passado,
não volta mais,
vou viver todos os minutos proveitosamente.

Não vou sofrer por antecipação prevendo
futuros incertos, nem com atraso, lembrando de coisas sobre as quais não tenho mais ação.

Não vou pensar no que não tenho e que gostaria de de ter, mas em como posso ser feliz com o que possuo.
E o maior bem que possuo é a própria vida.

Vou lembrar de ler uma poesia e de ouvir uma canção, vou dedicá-las a alguém.
Vou fazer alguma coisa para alguém,
sem esperar nada em troca,
apenas pelo prazer de ver alguém sorrir.

Vou lembrar que existe alguém que me quer bem,
vou dedicar uns minutos de pensamento
para os que já se foram para que saibam que serão sempre uma doce lembrança,
até que venhamos a nos encontrar outra vez.

Vou procurar dar um pouco de alegria para alguém, especialmente quando sentir
que a tristeza e o desânimo querem se aproximar.
E quando a noite chegar,
vou olhar o céu, para as estrelas
e para o luar e agradecer a Deus,
porque hoje eu fui FELIZ !

(Carlos Drummond de Andrade)

TUDO QUE VOCÊ PRECISOU DESAPRENDER PARA VIRAR UM IDIOTA

29/05/2020 às 3:15 | Publicado em Baú de livros, Zuniversitas | 4 Comentários

Esse livro ganhei de um grande amigo de Aracaju. Quando recebi pelos Correios, em plena pandemia, foi uma alegria. Mas confesso que li rapidamente o título e me assustei, lembrando de um outro livro que vi um dia numa livraria, de um certo pseudo-filósofo que não merece, nem ele nem o livro, serem ditos aqui. Ai vi que se tratava do Meteoro Brasil, cujos trabalhos já havia visto nas redes sociais, em especial Facebook e Youtube. Recomendo muito essa obra. Ela desmistifica, em breves capítulos muito bem fundamentados e com recomendações de livros, filmes e jogos, praticamente todas as principais fake news e teorias da conspiração que presenciamos neste país nos últimos anos. Imperdível !


livro-tudo-que-voc-precisou-desaprender-para-virar-idiota

Próxima Página »

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.
Entries e comentários feeds.

%d blogueiros gostam disto: