Jeito de matar lagartas

20/11/2019 às 3:01 | Publicado em Baú de livros, Zuniversitas | 2 Comentários
Tags: ,

Esse eu ganhei no meu aniversário de 60 anos de grandes amigos de Aracaju. Uma beleza de livro. Contos deliciosos, todos muito bons. Mas se fosse meu eu colocaria o nome do primeiro: A Muralha da China, o melhor de todos na minha opinião.


 

SESSENTA ANOS

26/10/2019 às 3:27 | Publicado em Canto da poesia, Zuniversitas | Deixe um comentário
Tags: ,

Sessenta anos com Mário Quintana !


SEISSENTOS E SESSENTA E SEIS    Quintana

A vida é uns deveres que nós trouxemos para fazer em casa.
Quando se vê, já são 6 horas…
Quando se vê, já é 6.ª feira…
Quando se vê, passaram 60 anos…
Agora, é tarde demais para ser reprovado…
E se me dessem – um dia – uma outra oportunidade,
eu nem olhava o relógio.
seguia sempre, sempre em frente …

E iria jogando pelo caminho a casca dourada e inútil das horas

(Mário Quintana)

Maior livraria flutuante do mundo chega a Salvador em outubro

24/10/2019 às 2:34 | Publicado em Artigos e textos, Zuniversitas | Deixe um comentário
Tags: , ,

Para os que moram em Salvador-BA, um bom programa para esse final de mês de outubro e início de novembro.


 

Maior livraria flutuante do mundo chega a Salvador em outubro

.

Navio fica no Brasil de agosto até dezembro; veja calendário
.
(Foto: Divulgação)

O Brasil recebe a partir de sexta (23) a visita da maior livraria flutuante do mundo. A embarcação Logos Hope traz à bordo mais de 5 mil livros de várias partes do mundo – o destaque, com 65% do total, é de obras em língua espanhola. Salvador está no roteiro e recebe a livraria em outubro (veja calendário abaixo).

O acervo da livraria inclui livros sobre ciência, esporte, gastronomia, saúde, idiomas, hobbies, religião, desenvolvimento pessoal e uma parte especialmente dedicada à literatura infantil.

Há área inteiramente dedicada à literatura infantil (Foto: Divulgação)

Em cada cidade que o navio para, os tripulantes montam uma estrutura que recebe doação de livros dos moradores. São mais de 400 voluntários que trabalham na Logos Hope, vindos de 60 nacionalidades diferentes. Todos fazem parte de uma associação católica que é responsável pelo Logos Hope.

O navio fica no Brasil até dezembro. No site oficial há informações sobre como se tornar um tripulante, caso haja interesse.

Cidade    Chegada    Partida
Santos         23/08       17/09
Rio              18/09        8/10
Vitória         09/10       22/10
Salvador      24/10       12/11
Belém          18/11       06/12

FONTE: https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/maior-livraria-flutuante-do-mundo-chega-a-salvador-em-outubro/

O jardim secreto de Lennon e os nossos

01/10/2019 às 3:29 | Publicado em Artigos e textos, Canto da poesia, Zuniversitas | Deixe um comentário
Tags: , , ,

Iniciando este outubro, Jânio Ferreira e sua poesia em prosa, desvendando jardins nada secretos. Ele com Beatles esse post tinha que ser o primeiro deste mês em que entro nos sessenta, o que para nossa sociedade formalmente se trata da terceira (e derradeira) idade.

“Strawberry Fields, o jardim secreto de Lennon”

 


 

O jardim secreto de Lennon e os nossos 

O sol que finda setembro clareia as primeiras floradas e em meio à saraivada de balas que dilaceram e de discursos que idiotizam, leio uma notícia que me remete ao silêncio da casa paroquial, onde as ondas curtas de um velho rádio Transglobe Philco me levavam para muito além das andorinhas que moravam em suas telhas. A nota dizia que na semana passada foi aberto ao público o portão do Strawberry Fields, jardim imortalizado por John Lennon numa de suas mais geniais canções.

Localizado em torno de um orfanato mantido pelo Exército da Salvação no bairro de Woolton, em Liverpool, conta Allister Versfeld, responsável pelo lugar, que Lennon costumava pular a cerca que ficava atrás da casa de sua tia pra brincar com as crianças e depois, presumo, subia em alguma árvore para observar coisas que só a curiosidade infantil percebe e que mais tarde são processadas em forma de músicas, de textos ou, quando se tem
a chance, em longos papos com descolados terapeutas (tipo Selton Mello).

“Todas as crianças têm o seu jardim secreto, talvez um esconderijo embaixo da escada ou nos galhos de um grande carvalho. Pelo que fala essa música parece que, para John, era aquele o seu lugar”, diz sua meia-irmã de 72 anos, Julia Baird. Bingo! Não sei você, mas este velho escriba ainda rega diariamente os jardins que fertilizaram sua infância e que, graças aos cataventos que continuam bombeando o enferrujado aspersor fincado no topo da
neblinada serra, continuam produzindo a doçura exata que costuma me escudar sempre que a maldade ameaça expandir o fel que nutre as feridas.

Um deles, como disse lá em cima, era a casa paroquial, lugar onde eu passava horas ouvindo o ranger da rede em sintonia com o mundo. O outro ficava nos galhos das goiabeiras do quintal de minha avó, que em dias ameaçando chuva serviam-me como mirantes ao vento, enquanto o escuro sorvete de nuvens se preparava pra se liquefazer sobre o manto turquesa que vestia o rio.

E são nesses jardins exalando viço que até hoje colho frutas com gosto de Bias, Iaiás e Cecílias; de Aldas, Letícias e Fernandinas; de Lindemás, Pedros e Zés das Silvas. Neles também ouço buzinas de uma Rural trazendo brinquedos e apressando saudades; mugidos de vacas ruminando pastagens; e Hey Jude tocando na difusora e nos bailes, cuja letra, na época, soava como uma espécie de: “Ei, Janio, pegue sua peteca e saia por aí, que
os passarinhos lhe esperam lá perto do campo de futebol. Mas vá sem pressa, cara, que a asa do tempo é lenta, e na volta sempre haverá um pão quentinho pra você comer vendo o entardecer”.

Em seguida vinha a Ave Maria, toda plena e cheia de graça, como era a vida nos tempos em que a gente pensava que nossos jardins jamais deixariam de ser Strawberry Fields Forever.

(Jânio Ferreira Soares)

FONTE: Jornal A TARDE, Salvador-BA, 28.09.2019

 


Próxima Página »

Blog no WordPress.com.
Entries e comentários feeds.

%d blogueiros gostam disto: