AS TRÊS MARIAS E O SÃO FRANCISCO

20/02/2019 às 3:08 | Publicado em Artigos e textos, Zuniversitas | Deixe um comentário
Tags: , ,

Mais uma poesia em prosa, da pena de Jânio Ferreira Soares.

Enquanto Boechat parte, Malafaia fala com Deus e Frota é uma excelência. Tá complicado !

tres-marias


AS TRÊS MARIAS E O SÃO FRANCISCO   

As águas presas na barragem de concreto estão surpreendentemente calmas nestes primeiros meses de um ano que, talvez contaminado pelo ódio que lhe rege, resolves entrar no jogo rasteiro que domina o país,e depois de embaralhar as cartas, cortá-las ao meio e distribuí-las a si próprio, baixou varias sequências sujas, espalhou os mortos sobre a mesa e postou uma selfie aos milhares de seguidores, dizendo: “Tamo junto, milicianos do hem!”.

Mas como eu dizia. apesar da ameça que avança pelas barrancas dos afluentes que vêm das Gerais, o rio em minha frente segue sua vidinha de sempre, com seus clássicos remansos da tarde contornando a pedra onde dezenas de garças pousam para tomar fôlego antes de voltar aos seus ninhos: com as aragens ligeiras arrepiando sua lamina como se fossem cabelos de crianças no embalo das primeiras bicicletas; com canoas passando lentas socós voando raso e lava-cus lavando-os rápidos, on seja, tudo mais ou menos parecido com aquele suicida otimista que pulou do centésimo andar e, antes de se espatifar no chão, passou gritando pelas janelas: “Até aqui tudo bem!”. Mas, sinceramente, tenho uma leve esperança de que esta aparente normalidade continue. Explico.

Mesmo com algumas noticias dando conta de que a lama tóxica que viaja pelo Paraopeba poderá chegar por aqui num futuro próximo, é bom lembrar que para isso acontecer ela terá que ultrapassar as comportas da Usina Trés Marias, que, na minha imaginação, deve funcionar não só como uma barragem, mas também como uma espécie de portal sagrado equipado com trombetas celestiais, sempre atentas para alarmar quando qualquer outro líquido que não águia ameace cair no leito do nosso São Francisco.

Em sendo assim e apesar de recruta no assunto, parto da premissa de que deve existir algum tipo de poder hierárquico-divino sempre atento quando a questão é mitigar algum mal que possa acontecer a um ser santificado, fato que por si só justifica que uma usina balizada com o nome da mãe de Jesus ao cubo jamais medirá esforços para proteger o rio de um santo que, além de gente boa, dizem que é brother do seu filho. A conferir.

No meu último texto, escrevi que as prováveis vitórias de Rodrigo Mata e de Renan Calheiros para presidir a Câmara e o Senado, mostrariam que Tom Jobim estava certo quando dizia que o Brasil não é para principiantes. Maia levou, mas o Don Juan das Alagoas dançou legal. Acontece que o moço que o derrotou, de nome Alcolumbre, tem o mesmo jeitão de Jader Barbalho, principalmente na voz, que sai de sua boca como se nela houvesse uma falsa dentadura que transforma o “s” dax palavraz em “x”. Lomnroso iria adorar decifrá-lo.

No mais, enquanto Boechat parte, Malafaia fala com Deus e Frota é uma excelência. Tá complicado !

(Jânio Ferreira Soares)

FONTE: Jornal A TARDE, Salvador-BA, 16.02.2019

Anúncios

A MORTE E A MORTE DE CHICO MENDES

18/02/2019 às 4:39 | Publicado em Artigos e textos, Zuniversitas | Deixe um comentário
Tags: , ,

Chico Mendes, uma homenagem. Esse (des)governo: mais um exemplo de sua imensurável insanidade !

chico_mendes


A MORTE E A MORTE DE CHICO MENDES

image

image

image

(Carlos Zacarias de Sena Junior)

FONTE: Jornal A TARDE, Salvador-BA, 15.02.2019

O represado

15/02/2019 às 3:28 | Publicado em Artigos e textos, Zuniversitas | Deixe um comentário
Tags: ,

Veríssimo, sempre nos fazendo refletir !

pergunta frequente depressão.jpg.opt480x396o0,0s480x396


O represado luis-fernando-verissimo-l

O rompimento das barragens em Mariana e Brumadinho, onde ainda procuram corpos na lama, não se presta a nenhum tipo de analogia. Nada deve diminuir o puro horror das tragédias repetidas, nenhum outro sentimento salvo os da dor e da indignação – preâmbulos, quem sabe, para o fim da impunidade, e para medidas preventivas antes que outra barragem mate mais. Mas poupar as tragédias de Minas da literatura não quer dizer que não podemos, cada um como quiser, escolher uma metáfora no acontecido.

Eu escolho as barreiras que não resistiram como metáforas para as fobias e ressentimentos represados da direita brasileira, que, assim como os especialistas em barragens que não previram os deslizes em Mariana e Brumadinho, não previram a explosão Bolsonaro nas últimas eleições. Foram a classe média, o antipetismo, o cansaço com a corrupção, a crise econômica, a ausência do Lula, etc. – uma direita compreensível, portanto – que elegeram Bolsonaro, mas foram os valores e preconceitos antigos que tomaram posse. Foi o represado que assumiu.

Assim a formação do ministério Bolsonaro tornou-se uma espécie de jogo, em que se tentava adivinhar quem – depois, por exemplo, de um ministro da Educação que quer a volta dos cursos de Moral e Cívica e bibliotecas escolares purgadas de marxismo e outros venenos – seria o próximo a ser lamentado. Isso sem falar no máximo de restauração sentimental, a volta dos generais para o Planalto.

Ninguém sabia que o represado tinha essa força. A nostalgia certamente nos trará de volta outras coisas lembradas com carinho, não apenas o bambolê, a Cuba Libre e campanhas pela pena de morte. O que mais estará represado na alma brasileira que não se sabe? Pra que lado ainda vai nos levar essa mistura de saudade de nós mesmos e como éramos simples, e ao mesmo tempo torcer pelas milícias?

(Luís Fernando Veríssimo)

FONTE: Principais jornais do país, ontem.

Brasil terá 1ª usina de geração de energia por meio de esgoto e lixo orgânico

14/02/2019 às 3:59 | Publicado em Artigos e textos, Zuniversitas | Deixe um comentário
Tags: , ,

E a pergunta segue sendo feita aqui neste espaço: por que não se massifica em nosso país iniciativas como essa ?


Brasil terá 1ª usina de geração de energia por meio de esgoto e lixo orgânico

Brasil terá 1ª usina de geração de energia por meio de esgoto e lixo orgânico

O mérito é todo do Paraná: o Estado será o primeiro do Brasil a colocar em funcionamento uma usina de geração de biogás, que transformará lodo de esgoto e resíduos orgânicos em eletricidade para abastecer as casas da região.
A companhia de geração de energia CS Bioenergia já possui a Licença de Operação do Instituto Ambiental do Paraná para operar. Segundo a empresa, a usina tem capacidade para produzir 2,8 megawatts de eletricidade por meio de lixo, que abastecerá cerca de duas mil residências do Estado.
A matéria-prima para geração de energia virá de estações de tratamento de esgoto e de concessionárias de coleta de resíduos e produzirá biogás e também biofertilizantes para a região. Estima-se que com a iniciativa o Estado do Paraná deixe de descartar, todos os dias, mil m³ de lodo de esgoto e 300 toneladas de lixo orgânico em aterros. É ou não é um excelente negócio?
A inspiração vem da Europa (e sobretudo da Alemanha!), onde já existem mais de 14 mil plantas de geração de eletricidade por meio de resíduos orgânicos. Esta será a primeira usina do tipo no Brasil, mas espera-se que seja só o começo e que inspire muitas outras pelo país!

FONTE: http://sustentabilidade.registradores.org.br/noticias/brasil-tera-1a-usina-de-geracao-de-energia-por-meio-de-esgoto-e-lixo-organico.html

Próxima Página »

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.
Entries e comentários feeds.

%d blogueiros gostam disto: